segunda-feira, 25 de janeiro de 2010

" Red Hot and Red Bull " (In.Sannio)‏



"E no final da madrugada perambulando pelos bordéis
Decadence - é melhor viver
dez anos a mil,
do que mil anos a dez ." (Lobão in 'Decadence Avec Elegance')

À finais de semana que são clássicos! Acontece tanta coisa inusitada. Que você pensa que o previsível dentre todos é você!


As pessoas parecem estar mais dispostas a deixarem as máscaras de lado e encararem a verdadeira face das suas personalidades. E é isso o que as torna fascinantes!


Nem sempre esta é uma escolha consciente. Às vezes é necessário um estímulo externo. Mas é o seu intimo que fala. Quando nos aproximamos. Quando conversamos. Quando trocamos fluídos.


Sorrimos, observamos, gargalhamos, tossimos... E fazemos parte de todas as danças, tribos, espécies.


E mesmo nossa individualidade não nos afasta. Ao contrário, nos une! E os acontecimentos que sucedem são inesquecíveis. Pelo menos até outro final de semana semelhante.Tão raro e tão bonito!

2 comentários:

Agentes da L.O.U.C.A disse...

Que tu achou da arte final? Se tu quiseres eu tiro a epígrafe, talvez a palavra "bordel" não se coadune ao sentido do texto, ou ao seu autor heheehehe... daí posso retirá-lo e colocar um salmo da bíblia... minha intenção era passar uma ideia de carpe diem que o texto me passou!
abraço,
Tommy Wine Beer.

paul.eric disse...

Ficou tri!... xp