sábado, 3 de julho de 2010

"FUERZA PARAGUAY QUERIDO! " (Tommy Wine Beer)


E a Copa ta terminando leitores e leiteiras. Benditas vacas holandeusas! (Eu ainda sou mais das crioulas, registre-se). Olha, numa copa com nível técnico tão ruim, nos casos de empate um bom critério seria o saldo de torcedoras gostosas. O chamado I.T.G: índice de torcedoras gostosas! E a audiência se manteria lá em cima. Talvez, não só a audiência.
Era pra ser um mês inteiro pra se coçar o saco curtindo com um entorpecente "psicológico": o futebol.
O que daria uma folga pro meu fígado. Cheguei a pensar que seria um mês de delirante alienação. Erro meu. Nos amistosos que antecederam a copa a CBF e o nosso time tinham que dar mostras de sua/nossa ESCROTIDÃO. Nossa alienação e indiferença com os problemas sociais e políticos das mais pobres nações africanas.
Me digam, precisava os f.d.p. da CBF pegar aqueles dois milhões?
“Se eu não vivo no Zimbábue não sei se é ruim ou bom ter um índice de 80% de desempregados, milhões de famintos e 25% da população sendo portadora de HIV”, assim pensou Dunga.
Dunga um pensador EMPÍRICO!
Dunga é a prova cabal que a tese da "superioridade" intelectual gaúcha em relação ao resto do Brasil é FURADA. Pura cascata galdéria!
Dunga não pode também, por convicção filosófica, avaliar o apartheid. Porém, criou o seu próprio sistema discriminador. Na seleção só ficaram os bonzinhos, os tomadores de sorvete; os malditos foram excluídos, chupadores de outras IGUARIAS como Ronaldinho e Adriano.
Deu no que deu.
Assim mesmo Dunga é meu ídolo, meu exemplo categórico de como os medíocres podem prosperar! Não só Dunga, Martha Medeiros, Fogaça, Pitty... Eles me fazem levantar todas as manhãs, mesmo nas piores ressacas! Sim, desapegados leitores, quiçá eu seja o único cronista mundial que tenha usado um “P.S” no meio do texto. Viva Dunga!
E a sonhada final Brasil & Argentina não veio. Imaginem de um lado o BEM: representado por Dunga, que não convoca jogadores que armam surubas com jumentinhas e anões, Kaká que quer ser pastor um dia, Kaká que se casou virgem; do outro lado o MAL: Maradona o (ex-) dependente químico, e seu exército de bêbados, semi-sodomitas e xoxoteiros.
Um perfeito cenário melodramático maniqueísta para o nosso Galvão Bueno. Que fatalidade!
Só me resta BRADAR: "! FUERZA PARAGUAY QUERIDO!!!"

4 comentários:

Agentes da L.O.U.C.A disse...

Porra, sou mais pé-frio que o Mick Jager. Abraçei o Paraguai como símbolo da tosqueira, da "falsificação" e me dei mal. Agora sou Uruguai e Colorado na Libertadores.
Ass>> Tommy WINE bEER.

Raphaela Flores disse...

sou urugauy e colorado na libertadores!!

Renato "Hell" Albasini disse...

Bom, eu sou Larissa Riquelme e Colorado sempre na Libertadores...Paraguai não passou( e nem estava pra eles ), mas ela sim...Tudo certo....

Agentes da L.O.U.C.A disse...

Vanessa o que?
Tommy WIne Beer.