quinta-feira, 21 de abril de 2011

A EMO SEXUALIDADE ( por TOMMY WINE BEER)






A Elite de Porto Alegre é esnobe, boba e careta pra caramba. Isso não é novidade. Provavelmente seja assim no mundo inteiro. O povo do carnaval eles já conseguiram DESPEJAR do Centro da Cidade. É leitor, se você não é de POA, ou não sabe, aqui o carnaval de Escolas de Samba foi VARRIDO PRA BAIXO do Tapete. Os brancos ricos, donos das canetas hediondas que assinam leis e dos jornais cafonas que engambelam a geral, inventaram um tal Centro de Eventos no extremo norte da cidade. Só que o único evento ESCANTEADO foi o carnaval. Os desfiles militares e gaudérios com seus cavalos cagões ficaram no coração da cidade. Racismo puro!
Ainda não contentes com o seu camuflado jogo segregacionista, agora se ENCARNARAM no que o senso comum aqui de POA chama de "OS EMOS". Uma molecada doidona que se veste, regra geral, de preto e alisa os cabelos, e se reunem pra tomar trago e praticar amor homo ou emo, sei lá!



ZH publicou uma matéria caretésima e cheia de factóides. Ora falar de sexo a céu aberto na Bo, digo, Olaria! Cascata Pura! O que rola, na real, é umas bicotas gays e lésbicas, línguas cheias de aftas, enroscadas feito serpentes frenéticas.
Cocaína em parapeitos dos prédios? Associar cheiração aos Emos é piada! No máximo o que eles cheiram ali é All Star e coturnos com chulé. Entorpente ao certo. Tanto quanto os acordes toscos e punheteiros das suas violas. Ou suas inacreditáveis garrafas de Vinho Molon suave e quente!
Um pouco de Freud absorvido na wikipédia explica o caso: o que essa velharada, mais velha que eu, quer é que essa piazada fique em casa, alienada de toda a sacanagem sexual, pros seus pais e/ou padrastos e padres, cheios de pensamentos incestuosos, pedófilos e sacanas, saciem suas taras malucas. Que fria hein!
Dos Emos pulo para os macaquinhos do Zoo da Redenção. Que puta sacanagem! Agora descobriram que o lugar é impróprio! Porra, animal enjaulado será sempre uma maldade de corar o diabo! Domingo passado passei por lá, cheio de criancinhas, acompanhadas de seus pais, olhando os macaquinhos, pareciam meio malucos e entediados, de repente notei que um deles bolinou o colega, daí partiram pra uma foda, e o mais pitoresco do fato, foi que o macaquinho que tava sendo comido, mudou de posto e passou a foder o outro. Algum gaiato presente por certo deve ter pensado na piada: Domingo na redenção!: macaquinhos emos! Sujeira!

3 comentários:

paul.eric disse...

Lembrando o aniverssário de Hitler,recém passado(21.04).Damos de encontro ao preconceito descarado dessa "mídia global".Aff...
Se é pra atacar as minorias(dentre elas os ciclistas).Não deveriam esses hipócritas,se esconderem atrás de suas canetas cuspidoras de castração racista,preconceituosa e anti-constitucional.
Eu nada tenho contra os emos.E muito menos contra seus vinhos suaves e quentes.Apesar de estar "dando um tempo" nas garotas "bi".Apóio a causa.A sexualidade de cada um.É problema de cada um!!E se o macaco quer banana,não adianta colocar avisos do tipo:"Proibido dar comidas aos animais".Irônicamente,os rinocerontes do poder,os ratos,os porcos e toda a fauna burguesa,sabem muito bem disso.

Ass:Vlad Tapes

Anônimo disse...

Texto totalmente equivocado, tornando a maior parte de um grupo, como as caracteristicas de cada individuo, cujo as palavras e as observações se distanciam da etica e do respeito aos grupos, as crenças, a diversos individuos em geral, tornando uma grande maioria, como se fossem todos os individuos de um deterinado grupo, e que seguem todas as caracteristicas, todas as informações relatadas abaixo, prefiro pensar que não são todos assim, até pq poderia pensar como a ilustração, sendo uma forma de racismo, cuida o que você fala na internet, respeito sua liberdade de expressão, desde que se mantenha um minimo respeito em seus textos.
thank´s

Raphaela Flores disse...

boa, Tommy!